segunda-feira, 7 de maio de 2012

Galochas precisam-se

Olá micas,


Peço desculpa pela ausência. Creio que o este tempo se anda a reflectir no meu estado de espírito. 
Nunca quis tanto ter umas galochas. Não pela sua aparência, sim pela sua função. Não sou mesmo adepta desse tipo de botas mas umas hunter já vinham morar aqui para casa, só mesmo para me ajudarem a enfrentar os, literalmente, lagos que se formam com a chuva nas estradas.

De preferência as cor-de-rosa

Uma pessoa atravessa uma passadeira em Lisboa e quando se dá conta tem água pelo tornozelo. Hoje aconteceu-me aquele típico episódio (digno de filme de comédia), onde se encontra uma mulher bem arranjada, à beira da estrada num dia de chuva e de repente depara-se com uma "onda" na sua direcção causada pela velocidade dos carros que passam. À excepção do "bem arranjada", pois deixo isso para os dias em que não vou estagiar, hoje sofri com um episódio similar a esse... vezes 4!! Sim, levei com quatro ondas directamente nas minhas calças. Concluindo: Cheguei ao Hotel (onde estou a estagiar) encharcada, da cintura para baixo. Tive sorte em não ter estragado o meu telemóvel que se encontrava no bolso, era a rapariga mais feliz se me oferecessem umas Hunter e, por último, MANDEM-ME PARA QUALQUER DESTINO MINIMAMENTE EM CONDIÇÕES, ONDE FAÇAM 30º À SOMBRA!


Foi "mais-ou-menos" assim
Love,
Marta

6 comentários:

  1. gostei (:

    ( passa no meu blog: www.pinkie-love-forever.blogspot.com, participa no Pinkie Of The Month e tem a oportunidade de ganhar um anel, faz também "Like" na página do Facebook, obrigada :p )

    ResponderEliminar
  2. Nem eu queria acreditar :o
    Isso também já me aconteceu :x

    ResponderEliminar
  3. Obrigada querida :)
    não é só em Lisboa que existe esse problema, aqui em Aveiro é um diluvio :p
    Vou seguir*

    ResponderEliminar
  4. Esquece as galochas, vem aí o calorrrrr!!

    ResponderEliminar